Tudo começou no verão de 2017 quando por causa dos incêndios, dois agricultores, o Zé e a Ana perderam as suas árvores de fruto, que na sua maioria eram cerejeiras. A Freguesia de Santo António ajudou a dar fruto a esta causa adquirindo uma cerejeira por cada 4 crianças das escolas do 1º ciclo (EB1 de São José, EB1 Ducla Soares), no Dia Mundial da Árvore. Ao todo foram enviadas 84 cerejeiras para o Fundão, que já foram plantadas.

O fim de semana de 2 e 3 de fevereiro de 2019 foi o escolhido para concretizar o compromisso assumido. Apesar da chuva que se fez sentir dias antes foi possível, em duas horas, plantar 200 árvores. Uma ajuda que chegou dos mais variadíssimos locais.

Por parte da Ana e do Zé as palavras não são suficientes para expressar a ajuda em recuperar tão rapidamente quanto possível a sua atividade.

O que se espera é, que daqui a uns tempos, estarmos todos deliciados com estas cerejas.

(Agradecimento à Quinta do Arneiro pela cedência das fotografias)