+351 218 855 230     info@jfsantoantonio.pt
Lisboa:

Mensagem do Presidente

Hoje é tempo de Partilhar e Agradecer.

E começo pela última, Agradecer.

Os agradecimentos são muitos. A começar por casa, a Junta de Freguesia de Santo António que, como sabem, tenho a honra de estar como Presidente. E aqui os agradecimentos são feitos enquanto Pessoa, enquanto Político e enquanto Presidente. Mas estes três papéis misturam-se quando reconheço o esforço das equipas da Freguesia nesta hora difícil.

Agradecer às equipas da Limpeza Urbana, que estão na rua a varrer e a lavar. E às equipas de Manutenção e Espaço Público que estão a desinfetar todo o mobiliário urbano da Freguesia para que todos possamos andar em segurança.

Agradecer às equipas do Vassouras & Companhia e do Valor Humano, que se desdobram em esforços a ajudar quem é mais frágil, com a tarefa acrescida de, agora, levar diariamente um número muito maior de refeições a mais de um terço das famílias da Freguesia.

Agradecer à equipa do Espaço Júlia, que por razões do período que atravessamos, é o garante de segurança de muitas pessoas que sofrem desse flagelo que é a Violência Doméstica.

Agradecer às equipas de Atendimento e Licenciamento que, em regime de teletrabalho, procuram atender a todos os pedidos.

Agradecer à Cultura, Desporto e Educação que se têm desdobrado na descoberta e criação de conteúdos para que em casa tudo pareça o mais normal possível, para as nossas crianças e jovens.

Agradecer à Comunicação, que desenvolve diariamente toda a informação essencial para que todos consigam chegar aos serviços da Freguesia, e para vos fazer chegar tudo o que estamos a fazer, para que possam ficar em casa na máxima segurança.

Agradecer a todas as outras equipas, que em backoffice procuram manter os serviços, muitas vezes invisíveis para o público em geral, mas sem os quais nada disto funciona.

À Contabilidade, aos Recursos Humanos e à Informática, a todos eles queria dar o meu sentido, sincero e reconhecido Obrigado.

Não posso deixar de agradecer também, a todas as empresas e entidades que neste tempo de dificuldades, nos ajudam a ajudar. Os hotéis da Freguesia, os restaurantes, as empresas e as Pessoas que doam o seu trabalho, tempo e dinheiro para que possamos ir mais longe e chegar a mais gente.

O meu sincero agradecimento vai também, e num sentido mais amplo, para todos os profissionais de saúde – do médico ao enfermeiro, ao auxiliar de limpeza, ao segurança do hospital, aos bombeiros, mas também aos profissionais de todos os sectores que procuram manter o país a funcionar. Os funcionários dos supermercados, do comércio local, das farmácias, dos quiosques e minimercados, dos restaurantes que agora se resumem ao takeaway, os condutores de transportes públicos, os funcionários das cantinas, sem esquecer o tão importante trabalho da comunicação social que tem como principal razão deixar-nos a todos bem informados, e acreditem, que sem eles tudo isto seria bem mais difícil.

E todos aqueles que, trabalham nas infraestruturas, num trabalho invisível, que permite que a sociedade continue a funcionar, e possamos ter água, luz, telecomunicações, atividades financeiras e tudo o mais que tem de funcionar.

Todos vocês são heróis, os nossos super-heróis, numa altura onde todos temos de nos superar individualmente, para em conjunto podermos ser mais fortes e derrotar este inimigo desigual.

Quero também PARTILHAR convosco o orgulho que fico pelas principais forças políticas, finalmente, e pelo que vejo, a trabalhar em conjunto para o bem da população. Não interessa neste momento a esquerda ou a direita, o partido A ou o partido B. Não interessa discutir agora se podíamos ter feito mais, melhor ou mais cedo. Haverá tempo, mais à frente, para as análises políticas e as análises às ações tomadas ou que deveriam ter sido tomadas. Interessa sim, neste momento cerrar fileiras e, todos juntos, lutarmos contra este inimigo invisível.

Porque se há causas nacionais, meus amigos, esta é o exemplo perfeito.

E sabemos bem que após vencermos – e tenho a certeza absoluta que venceremos este vírus - virá um tão mau ou pior, que será um vírus económico. Vem aí tempos de, duvida e incerteza. E também aí, quer na preparação quer na execução das medidas que se imponham, teremos de estar juntos e unidos, todos a remar numa só direção, porque é a responsabilidade dos eleitos. Desde o Presidente da República até ao Presidente da Junta.

Obrigado!

 

Image
O Presidente da Junta de Freguesia de Santo António de Lisboa
Vasco Morgado

MAGAZINE SANTO ANTÓNIO

APP DE SANTO ANTÓNIO

A aplicação para dispositivos móveis da Freguesia de Santo António permite que aceda, de forma simples e gratuita,  à informação, agenda, noticias e serviços da sua freguesia e reportar "problemas na minha rua" que eventualmente surjam. Basta que se registe na nossa plataforma.

 

Para mais informações comunicacao@jfsantoantonio.pt

Descarregue aqui a APP

Disponível em iOS e Android

Search